Saiba um pouco mais sobre a Medicina Ayurvedica

Saiba um pouco mais sobre a Medicina Ayurvedica

A filosofia ayurvedica é um conhecimento médico que foi desenvolvido na Índia há cerca de 6 mil anos. A tradução da palavra, proveniente do sânscrito significa Ciência da Vida, ou seja, a cura do seu corpo a partir das leis da natureza, composta pelos cinco elementos: éter, ar, fogo, água e terra. 

Os elementos na medicina ayurvedica expressam nossa fisiologia e influenciam em nossa saúde e bem-estar. São a origem de tudo que é matéria e constituem o corpo humano. Essa prática tem como objetivo a prevenção por uma melhor qualidade de vida e a integração corpo-mente-espírito.

Acredita-se, que o elemento Éter nos traz a audição e age diretamente em nossas cordas vocais e comunicação.
O elemento Ar influencia em nossos movimentos, nossa sensibilidade profunda e superficial, o sentido, tato. Age diretamente pelas mãos.
Fogo nos conduz a percepção, a visão, o caminhar.  Age diretamente pelos pés.
Água é o sentido do paladar, age diretamente pelas genitais e sua ação é de preservação. E por fim, o elemento Terra, nos traz o olfato.
E a partir desse conceito, as nossas doenças se instalam quando um dos cinco elementos está em desequilíbrio.

A medicina utiliza plantas medicinais, meditação, yoga {exercícios físicos em geral}, reiki, massagens, cromoterapia, aromaterapia, nutrição e psicologia.

Suas técnicas se baseiam que o corpo humano contém três humores biológicos, conhecidos como Doshas: vata, pitta e kapha. Alguns desajustes no Doshas causam doenças e distúrbios psicológicos.
vata pitta kapha

A intenção da Ayurveda é trazer a harmonia, o conhecimento do corpo e da psique a fim de conquistar uma existência mais saudável, realizada sempre de forma natural e orgânica.
Experimente o que essa ciência pode lhe oferecer!  

Por Naturo Barigui. 

Tai Chi Chuan | A Meditação em Movimento

Tai Chi Chuan | A Meditação em Movimento

O Tai Chi Chuan é uma prática corporal que trabalha o movimento, a psicomotricidade e exercita o universo interno, como também o externo, trazendo o equilíbrio psicossomático. 
Todos esses conceitos estão atrelados a filosofia chinesa, as forças Yin e Yang.

 Yin, é considerada como o feminino, a leveza e suavidade. Yang, com a sua explosão de força e pulsão, é considerado a energia masculina, ativa.

E dessa maneira, a prática conquista a união do corpo em movimento, da mente silenciosa e do espírito contemplativo. Os criadores do Tai Chi Chuan basearam sua arte na observação da natureza, não apenas na observação dos animais, mas também no estudo dos princípios da interação entre os diversos elementos naturais.

Quais os benefícios do Tai Chi Chuan?


Os benefícios da arte chinesa variam entre: encaixe postural, redução da dor e da rigidez das articulações, flexibilidade, melhoria do equilíbrio, bem-estar atrelado a meditação e a expansão da consciência.

Como uma filosofia de vida, o Tai Chi tem os seus princípios essenciais, agindo como arte marcial, prática corporal e espiritual. Traz a leveza e a sensibilidade, esvazia o peito e naturalmente alonga as costas, relaxa a cintura e os ombros e interliga os movimentos entre todas as partes do corpo.
Além disso, durante os movimentos, ocorre a quietude da mente e a união do externo com o interno.
A arte contém cinco estilos, todos com a mesma essência e propósito, porém que se diferem apenas no seu biotipo.
Entre elas: Chen, Yang, Wu/Hao, Wu e Sun. 

Venha experimentar essa maravilhosa arte chinesa e descobrir como ela agirá de forma complementar em sua saúde física, mental e espiritual! 

yinyang

Por Naturo Barigui.

 

O Universo do Yoga

O Universo do Yoga

Os motivos para o início das práticas de Yoga variam de pessoa para pessoa.
Temos aqueles que anseiam pela espiritualidade, pela saúde como também por um melhor condicionamento físico.
O mais belo é que o Yoga traz consigo todos esses aspectos em sua origem – é o despertar da consciência física, mental e espiritual. 

As práticas em sua essência desenvolvem os asanas, o pranayamadhyana.

•  Os asanas são as posturas que proporcionam a flexibilidade, o equilíbrio e melhoram a saúde, removendo as doenças do corpo físico, emocional e energético. Tem sua origem do sânscrito {sentar}, referindo-se a posição do corpo em relação a Terra como também a divindade que encontra-se dentro de cada ser.

•  O pranayama, do sânscrito prana {energia vital} e ayama {controle}, é o controle da respiração. Acredita-se que o segredo de uma mente em harmonia está vinculado a um respiração controlada e consciente.

•  Dhyana é o termo que engloba o estado de contemplação e meditação que começa a florescer no indivíduo assim que o mesmo se aprofunda no belo e intenso mundo do Yoga.

Dentro da sua filosofia, existem uma série de tipos de Yoga. Entre as abordagens mais conhecidas temos: o Hatha Yoga, Kundaliní Yoga, Ashtanga Vinyasa Yoga e Iyengar Yoga. Cada um tem si alguns aspectos diferentes na prática mas em essência unificam-se na tradição que caminha na harmonia do corpo, da alma e do Todo.

Falaremos brevemente sobre cada abordagem abaixo:
Hatha Yoga: do sânscrito “ha” – Sol e “tha” – Lua, este método tem como objetivo a união dos pares opostos, como o sol (representação do positivo) e a lua (representação do negativo) e trazer assim, o equilíbrio entre corpo e espírito.
A prática é caracterizada por movimentos lentos e com grande tempo de permanência entre os asanas.
Ashtanga Vinyasa Yoga: esta prática visa primeiramente o controle e o conhecimento físico, para assim atingir-se o corpo sutil e a espiritualidade. A meditação acontece durante os movimentos contínuos e coordenados que criam um fluxo entre os asanas, trabalhando em uma sequência que alinha o corpo, a respiração e a mente.
O Vinyasa se caracteriza pelo termo flow: fluidez, segurança e força.
Kundaliní Yoga: o objetivo dessa abordagem traz o despertar da consciência a partir dos asanas, do pranayama, da recitação de mantras e dos bandhas {contrações de áreas específicas do corpo}.
Kundaliní também é conhecida como “o fogo serpentino”, é o grande magnetismo e as manifestações vitais que se dão a partir do despertar cósmico, atravessam as sete rodas de energia do corpo físico, do sânscrito, chakras: Muladhara, Swadhisthana, Manipura, Anahata, Vishuddha, Ajna e Sahashara.

chakras

Iyengar Yoga: o estilo tem como foco praticantes que apresentam idades avançadas ou dificuldades físicas, utilizando acessórios que auxiliam no melhor desempenho postural e no alinhamento.
O Iyengar é um método direcionado para os obstáculos pessoais de cada praticante.

Por mais detalhado e profundo que seja o Universo do Yoga, todos os métodos tem como base a mesma essência, a sua natureza singular.
Permita-se a explorar suas vertentes e descubra qual se encaixa mais com o seu corpo e sua personalidade!

                                                                                           Naturo Barigui.